"Ser criativo nem sempre é inovar, às vezes significa olhar para trás e trazer o conhecido de forma inesperada." - Alex Atala
“Nothing is more interesting than that something that you eat.” - Gertrude Stein - Gastronomica-The Journal of Food and Culture
Mantemos um senso comum com relação a higiene medieval que generalizou-se como verdade, porém as pessoas na Idade Média se banhavam sempre que possível e tentavam se manter limpas.
Hoje como antigamente o cuidado com a limpeza na cozinha e na higienização dos alimentos é um procedimento de extrema importância: lave bem as mãos antes de usar a cozinha; limpe os utensílios que irá usar, peças de equipamentos e local de trabalho; higienize corretamente dos vegetais - legumes, hortaliças e frutas. E NÃO lave as carnes.

sábado, novembro 09, 2013

TOUCINHO DO CÉU (Doce Conventual das Monjas Beneditinas de Murça)

O toucinho do céu é um doce tradicional português, de origem conventual. Íntegra o riquíssimo legado gastronômico deixado pelas freiras beneditinas, que estiveram instaladas num mosteiro, em Murça, até finais do século XIX. Acredita-se mesmo que elas terão sido as criadoras da receita original deste doce, que mais tarde se popularizou por todo o país. Dentre as inúmeras receitas de toucinho do céu, a de Murça é uma das mais tradicionais e apreciadas.

INGREDIENTES:

125 g de amêndoas
125 g de doce de chila
2 colheres (sopa) de farinha
20 gemas
500 g de açúcar
Açúcar em pó p/ polvilhar

PREPARAÇÃO:

Pele e rale as amêndoas.
Leve o açúcar ao lume com um copo de água e deixe ferver até obter ponto de fio (a calda correr em fios, sem grande resistência ).
Junte o doce de chila e deixe ferver mais 2 a 3 minutos.
Adicione as amêndoas raladas, que devem estar bem enxutas, e leve novamente ao lume para fazer um ponto de estrada muito fraco (o fundo do tacho deve ver-se muito rapidamente).
Retire o doce do lume e, depois de arrefecer um pouco, junte as gemas, que vão a engrossar um pouco ao lume, sem que no entanto o doce ferva. Deixe arrefecer ligeiramente.
Unte e polvilhe uma forma. Espalhe uma colher de farinha sobre o fundo e deite nela o doce.
Polvilhe a superfície com a outra colher de farinha e leve a cozer em forno bem quente (200 a 250º C).
O toucinho do céu estará cozido quando lhe introduzir uma faca e esta sair quente e limpa. Deixe arrefecer um pouco e desenforme.
Sacuda o excesso de farinha e corte o bolo em fatias, que em seguida polvilhará com açúcar em pó.


Nenhum comentário: