"Ser criativo nem sempre é inovar, às vezes significa olhar para trás e trazer o conhecido de forma inesperada." - Alex Atala
“Nothing is more interesting than that something that you eat.” - Gertrude Stein - Gastronomica-The Journal of Food and Culture
Mantemos um senso comum com relação a higiene medieval que generalizou-se como verdade, porém as pessoas na Idade Média se banhavam sempre que possível e tentavam se manter limpas.
Hoje como antigamente o cuidado com a limpeza na cozinha e na higienização dos alimentos é um procedimento de extrema importância: lave bem as mãos antes de usar a cozinha; limpe os utensílios que irá usar, peças de equipamentos e local de trabalho; higienize corretamente dos vegetais - legumes, hortaliças e frutas. E NÃO lave as carnes.

quinta-feira, agosto 28, 2014

THARDA WITH CHARD - Tharda com Acelga

ILUSTRATIVA
ORIGINAL
Cut up meat in big pieces and put with it cilantro, onion, spices, oil and salt. When it has fried, pour on it enough water to cool it off. When it comes to a boil, throw in it heads of chard and break eggs into it and throw on it rue and garlic. When it is done, crumble bread in it and sprinkle with pepper and cinnamon, God willing.

Há algumas receitas neste livro com o título de THARDA e refere-se a THARID na descrição da receita. Na verdade, "tharda" é provavelmente um neologismo a partir da palavra "tharida". Na linguagem coloquial "tharida" foi pronunciado "thrîda", que poderiam ser tomadas para o diminutivo de um termo imaginário "tharda." Realmente, trata-se de um prato de carne ou carne e molho misturado com pão, ou como quase sempre, em Andaluzia, com migalhas de pão; às vezes "tharîd" simplesmente refere-se às migalhas.

An Anonymous Andalusian Cookbook of the 13th Century - Translated by Charles Perry

INGREDIENTES

5 colheres de sopa de azeite de oliva
1 quilo de carne para ensopado (dianteiro)
2 colheres de chá de coentro em pó
1 cebola vermelha ou roxa, cortada em cubos
1 colher de sopa de cominho em pó
1 maço de chicória picada
2 colheres de chá de gengibre em pó
½ colher de sopa de pimenta preta
1 colher de chá de sal kosher (sal grosso)
Água ou Caldo q.b.
2 maços de acelga picada (incluir os talos)
3 ovos levemente batidos
4 colheres de sopa de alecrim seco
5 dentes de alho picados
200g migalhas de pão
½ colher de sopa de pimenta preta
1 colher de sopa de canela em pó

PREPARAÇÃO

Doure a carne cortada em pedaços grandes numa panela forrada com o azeite em fogo baixo até que todos os lados estejam dourados. Escolha uma caçarola ou panela de cozimento lento
Adicione o coentro, cebola, cominho, chicória, gengibre, primeira colher de sopa de pimenta e o sal.
Quando as cebolas estiverem macias acrescente a água ou caldo de carne à panela até quase cobrir.
Leve para ferver.
Adicione a acelga.
Reduza o fogo para ferver.
Adicione os ovos à mistura, juntamente com o alecrim e alho.
Mexa bem e deixe cozinhar até a carne ficar bem macia.
Acrescente as migalhas de pão, retifique a pimenta e canela usando o restante que sobrou.


Nenhum comentário: