"Ser criativo nem sempre é inovar, às vezes significa olhar para trás e trazer o conhecido de forma inesperada." - Alex Atala
“Nothing is more interesting than that something that you eat.” - Gertrude Stein - Gastronomica-The Journal of Food and Culture
Mantemos um senso comum com relação a higiene medieval que generalizou-se como verdade, porém as pessoas na Idade Média se banhavam sempre que possível e tentavam se manter limpas.
Hoje como antigamente o cuidado com a limpeza na cozinha e na higienização dos alimentos é um procedimento de extrema importância: lave bem as mãos antes de usar a cozinha; limpe os utensílios que irá usar, peças de equipamentos e local de trabalho; higienize corretamente dos vegetais - legumes, hortaliças e frutas. E NÃO lave as carnes.

terça-feira, agosto 09, 2016

CAMELINA

Molho camelyne
Take faire brede, and kutte it, and take vinegre and wyne, & stepe þe brede therein, and drawe hit thorgh a streynour with powder of canel, and drawe hit twies or thries til hit be smoth; and þen take pouder of ginger, Sugur, and pouder of cloues, and cast þerto a litul saffron and let hit be thik ynogh, and thenne serue hit forthe.
Duas culinária - Books século XV de T. Austin

CAMELINE ou CAMELINA foi um dos molhos mais comumente usados ​​na Idade Média. Era tão comum que poderia ser comprado pré-fabricados a partir de fornecedores no final do século 14 em Paris. A receita que segue é uma tradicional, com base numa fonte inglesa do século 15. Foi adicionado sal (comum em mais de metade das fontes que consultei) sendo opcional, e também foi fervido o molho (há receita em que era cozido e às vezes não).

O resultado é um molho doce e picante, que é mais do que um pouco como o moderno molho de carne.

INGREDIENTES

3 fatias de pão branco de 
3/4 de copo de vinho tinto 
1/4 xícara de vinagre de vinho tinto
1/4 colher de chá de Canela 
1/4 colher de chá de Gengibre 
1/8 colher de chá de Cravo 
1 colher de sopa de Açúcar
1 pitada de Açafrão
1/4 colher de chá de Sal (opc)

PREPARAÇÃO

Corte o pão em pedaços e coloque em uma tigela com vinho e vinagre. Deixe de molho, mexendo ocasionalmente, até que o pão se transforma em mingau. Coe por uma peneira fina em uma panela, pressionando bem para obter o máximo de líquido possível para fora do pão. Adicionar especiarias e leve para ferver baixa, em fogo brando até engrossar. Sirva quente.

Fonte:






Nenhum comentário: